sexta-feira, 9 de outubro de 2015

O QUE É PSICOTERAPIA?

Certamente você já ouviu falar em psicoterapia, ou em algum momento da sua vida alguém lhe disse “porque você não procura um psicólogo?”. Pois bem, mas será que você sabe o que é a psicoterapia? 

Ou porque você deveria procurar um psicólogo? Neste artigo vou explicar de forma breve o que é a psicoterapia e qual a importância que ela pode ter na vida das pessoas.

Acredito que primeiro temos que entender que existem vários tipos de pessoas, e cada pessoa tem sua forma de ser e de estar no mundo com outras pessoas. Nós como seres humanos, que convivemos em grupos, (família, trabalho, escola, amigos, etc.) temos que lidar com diversas situações em nosso dia-a-dia, muitas coisas aparecem para nós, muitas decisões para tomar, “problemas para resolver” e escolhas a fazer.

Existem pessoas que são ditas “bem resolvidas” ou “esclarecidas” que tem habilidades em lidar com as situações do cotidiano, dão conta da vida, de suas relações e de seus problemas. Porém, existem pessoas que não tem essas habilidades tão aguçadas, e em determinados momentos da vida encontram-se diante de situações, sentimentos e emoções cujas quais não sabem como lidar, ou o que fazer e como fazer.

E mesmo as pessoas “bem resolvidas” em algum momento da vida podem também ter seus sentimentos e emoções abalados por conta de alguma situação difícil como (a morte de uma pessoa querida ou parente, o fim de um relacionamento, a descoberta de alguma doença grave, a demissão do emprego, etc.). E nesses momentos a pessoa pode perder o “rumo”, ficar sem chão, os sentimentos e emoções podem ficar confusos, podem ocorrer sintomas físicos, como insônia, taquicardia, dores no corpo, etc. e a pessoa pode ficar sem entender e com dificuldades em lidar com o que está ocorrendo em sua vida.

Geralmente nessas situações, quando o emocional fica extremamente abalado, as pessoas querem resolver logo o problema, não querem sentir o que estão sentindo, então o que elas fazem? Medicação! Procuram um psiquiatra em busca de remédios, ou pior, tomam medicação pesada, tarja preta, sem ao menos consultar um médico.

Bom, o que posso dizer sobre tomar um “remedinho”? Remédio para dormir, remédio antidepressivo, remédio para fazer a criança ficar quieta, remédio para dores musculares, remédio para ansiedade, remédio para tensão, remédio para dores de cabeça, existe remédio para tudo hoje não? Os remédios, não irão resolver seus problemas se junto a eles não houver o cuidado com seu emocional, que pode ser feito adivinha como? por meio da psicoterapia. Muitas vezes nem o remédio faz com que você se sinta melhor não é mesmo? Mas, por quê?

É claro, não podemos desconsiderar a importância da medicação (quando essa é realmente necessária), porém, as pessoas precisam saber que só tomando a medicação elas não resolverão seus problemas, as pessoas precisam se conhecer, conhecer suas próprias emoções, seus próprios sentimentos, precisam entender que para dar conta da vida, (que não está fácil para a grande maioria), saber quem é você pode ser o melhor remédio para qualquer situação que venha a ocorrer em sua vida emocional.

Nós somos corpo e mente, o que seu corpo sente pode estar diretamente ligado com o que se passa pela sua mente e com o seu emocional, está ligado as suas preocupações, estresse, ansiedade, depressão, medo, angústia, fobias, irritabilidade e diversas outras emoções, que se não tratadas, podem causar reações diretamente em seu organismo, e é ai que surge a dor de cabeça, a tensão, as dores no corpo, o incômodo no estomago, a insônia, e diversas outras reações que se apresentam no corpo.

Existem pessoas que tomam remédio a 2, 5, 8, 10 anos, e nunca melhoram, vão a diversos médicos, fazem dezenas de exames, e não descobrem o que tem, e não sabem o que fazer. Na vida, é necessário tomar as rédeas da situação, e aprender a lidar com a sua própria vida. Ser regente de sua própria orquestra, ampliar a visão e descobrir um mundo de possibilidades.


Eis a importância da psicoterapia. A psicoterapia é um recurso único e exclusivo do profissional Psicólogo (geralmente o psicólogo clínico) ou do Médico(geralmente o psiquiatra), a diferença básica entre um e outro é que o médico pode receitar medicação, enquanto ao psicólogo é vetada a
prescrição de medicamentos. Agora a terapia, que vem do grego (therapeía ou therapeúein) e que significa, servir, ajudar, tratar, etc. pode ser feita por qualquer pessoa. Ouvir música, pintar, tocar um instrumento, visitar lugares exóticos, são exemplos de coisas que podem ser extremamente terapêuticas.

O psicólogo, por meio da psicoterapia, pode te auxiliar em seu processo de autoconhecimento. Quando sabemos quem somos e como somos, o que pensamos e como pensamos, o que fazemos e como fazemos, as coisas podem ficar bem mais claras, e aos poucos vamos aprendendo a lidar com as situações, expandimos nossa mente, nossa consciência e começamos a enxergar coisas que antes pareciam não fazer parte de nós. Você já deve ter ouvido alguém dizer “convivo com fulano a tantos anos e nem o conheço direito”, pois é, talvez nem o “fulano” se conheça direito!

A psicoterapia é um aprofunda-se em si mesmo, tocar naquilo que antes era intocável, mexer com aquilo que nos incomoda. E não, não é apenas um processo lindo e maravilhoso, na psicoterapia, podemos passar por momentos tensos, difíceis e angustiantes. Porém, no decorrer do processo a vida pode começar a se apresentar de forma diferente, podemos potencializar emoções, sentimentos, e assim saber como lidar com a vida, com os problemas e com as nossas próprias escolhas.

A psicoterapia poderá te auxiliar:

* No enfrentamento de dificuldades
* Nos conflitos emocionais
* Na ampliação da consciência
* Na compreensão das relações interpessoais
* Na busca do auto conhecimento
* Na qualidade de vida
* Entre outras cosias

Ao se conhecer, o ser humano tem a tendência a saber lidar melhor com suas emoções, pensar e planejar seu crescimento e promover mudanças significativas em sua vida. Durante os atendimentos o psicólogo clínico poderá auxiliar o paciente/cliente:

* Em suas angústias
* Seus medos
* Anseios
* Ideias e dúvidas

É um espaço livre para abordar os assuntos que lhe convêm, espaço para refletir, reconstruir e pensar alternativas que possibilitem seu crescimento e desenvolvimento pessoal.

Os principais motivos pelos quais as pessoas buscam psicoterapia são:

* Conflitos familiares
* Dificuldade nos relacionamentos afetivos
* Dificuldade nos relacionamentos profissionais
* Dificuldades emocionais
* Questões sexuais
* Estresse
* Depressão
* Dependência Química
* Síndrome do Pânico
* Obesidade
* Transtornos alimentares
* Transtornos do sono
* Transtornos do humor
* Ansiedade excessiva
* Perdas emocionais e matérias
* Baixa auto-estima
* Orientação profissional
* Distúrbios de aprendizagem
* Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade
* Transtornos mentais severos
* Pacientes oncológicos

Porém vale ressaltar que não é preciso estar passando por algum problema ou dificuldade emocional para poder fazer psicoterapia. Pode-se fazer a psicoterapia para o autoconhecimento e para a emancipação da consciência e ampliação das possibilidades de ser e estar no Mundo.



Carlos Costa
CRP: 06 -122657
Formação: Psicólogo e Coach
Instituição onde estudou: FHO UNIARARAS e
Sociedade Latino Americana de Coach – SLAC


Especializações: Pós-Graduando em Psicoterapia Corporal no curso de formação Internacional em Análise Bioenergética. Reconhecido pelo International Institute for Bioenergetic Analysis – IIBA e pelo Instituto de Análise Bioenergética de São Paulo – IABSP. Para o titulo de Especialista Clinico credenciado pelo Conselho Federal de Psicologia* – CFP nº. 013/2007- Psicologia Clínica.


Área de atuação/abordagem teórica: Psicologia Clínica, Orientação Psicológica Online em Abordagem Humanista


Cidade onde atua: Leme-SP 
Site: www.opsicologoonline.com.br 
Página: www.facebook.com/carloscostapsicologoecoach

0 comentários:

Postar um comentário