segunda-feira, 31 de março de 2014

COMO CONTAR À MINHA FAMÍLIA QUE TEREI UM FILHO FORA DO CASAMENTO?

Por Anette Lewin


"Vou ter um filho fora do casamento. Já tenho um filho de 18 e outro de 20 anos. Devo reunir minha família e contar tudo, ou esperar o filho nascer e ver o exame de DNA? Sei que estou totalmente errado, não sei como vão encarar uma situação tão crítica"


"Filhos, mesmos já adultos, devem ser poupados de barracos"

Resposta: Contar à sua familia é apenas o primeiro passo de um processo bastante complexo que você terá de enfrentar daqui por diante.

Segundo as regras da sociedade monogâmica em que vivemos, você "errou" por que engravidou outra mulher já estando casado com uma. Se você fosse separado, poderia ter quantos filhos quisesse.

Como não existem regras para comportamentos não convencionais, como o seu, antes de pensar na reação de sua familia, você deveria se posicionar frente a você mesmo. 

Pergunte-se o que você pretende fazer com relação ao seu casamento: quer continuar casado? Quer se separar e ficar sozinho? Quer assumir o relacionamento com a mãe de seu novo filho? 

É importante que você saiba aonde quer chegar para que não seja levado a agir por impulso. Afinal, você está vivendo a consequência de agir sem pensar e não está achando muito confortável, não é?

Em seguida pense em proteger seus filhos mais velhos de um "barraco" que não diz respeito a eles. Não se esqueça que eles são jovens e cheios de fantasias românticas sobre o amor. Não é muito sensato envolvê-los num assunto pesado de uma forma pesada. Isso pode deixar marcas profundas neles, traumatizá-los e desmotivá-los a buscarem seus parceiros amorosos de uma forma saudável. É claro que eles vão ficar sabendo, mas que isso seja feito com sensibilidade e cuidado!

Caso você tenha alguma dúvida sobre a paternidade da criança e pretenda pedir um exame de DNA, contar agora pode aliviar sua ansiedade mas aumentar a de seus familiares. Faça isso apenas se entender que existe o risco de sua familia saber da situação por terceiros e preferir que saibam por você.

Contar para todos em reunião? Para cada um separadamente? Isso depende de como é o relacionamento familiar de vocês. Em geral, numa familia, existem as pessoas que se dão melhor e as que se dão pior entre si. Tente entender se é melhor ter a familia toda para receber a noticia, contar para cada um separadamente ou eleger um porta-voz. Lembrando-se que a situação é delicada e certamente criará um mal-estar geral. Mas cuidado nunca é demais. E caso a briga seja feia, proteja seus filhos. Sua esposa escolheu estar com você e agora pode escolher se quer ou não quer continuar a seu lado. Se você tambem quiser, é claro.Eles não escolheram estar no meio dessa guerra. Poupe-os o máximo que puder.


Fonte: UOL

Um comentário:

  1. E realmente uma situaçõa comum nos dias atuais e que gera realmente um grande stress para todas as partes, mas a verdade no fim é que deve prevalecer e tirar coisas boas dessa ""surpresa"" como a presença de um novo filho, irmão para essa nova conjuntura das famílias nao só no brasil mas no mundo todo!

    ResponderExcluir