sábado, 24 de novembro de 2012

ONDE FOI QUE EU ERREI?

Por Eduardo Yabusaki


"Em grande parte dos relacionamentos desfeitos os pares sequer avaliam em que ponto o relacionamento desandou"


QUANDO MEU RELACIONAMENTO COMEÇOU A DAR ERRADO?

Falar em separação infelizmente tem sido encarado como a coisa mais natural do mundo.

As pessoas pouco se atentam para o que pode ter dado errado ou onde elas se desencontraram. Se tivessem essa percepção, certamente evitariam tal desfecho ou que isso voltasse a se repetir.

É lamentável e crescente: as pessoas repetem esse padrão de: não deu certo; partir pra outra; a fila anda...

Esse tipo der comportamento em nada acrescenta. Ao contrário, nutre sentimentos negativos quanto à possibilidade de ser feliz num relacionamento.

As pessoas não têm o hábito ou preparo em perceber os sinais manifestados dentro do relacionamento. Esses podem ser indicadores de que as coisas podem não estar tão bem.

Os quatro principais sinais de desgaste no relacionamento são:

1º) O papo não flui com tranquilidade ou acontece de forma truncada e agressiva.
Isso pode sinalizar que existam insatisfações ou frustrações para uma ou ambas as partes.

2º) Quando gestos de afeto ou carinho deixam de existir
A consequência natural é um distanciamento entre ambos, indicando que algo na intimidade não vai bem.

3º) O olho-no-olho é de fundamental importância
Quando ele deixa de acontecer certamente significa que por algum motivo não estão podendo se olhar ou se revelar por ele. É preciso então estabelecer um diálogo com sinceridade e tranquilidade.

4º) O sexo não vai bem ou deixa de acontecer de uma hora para outra, sem grandes motivos.

É mau sinal, afinal o tesão é um indicador importante de bem querer e bem-estar entre o par.

Enfim, mais do que observar os indicadores importantes de que algo não esteja bem, é o par interagir para resolver qualquer questão geradora de conflito e insatisfação.

Quanto maior a intimidade, mais deve ser buscada uma boa comunicação entre ambos. Mesmo que isso pareça repetitivo ou sem importância, pois é assim que se constrói um cotidiano gostoso e positivo.

Acompanhem suas ações pelos seus sentimentos.


Fonte: Amor & Sexo




0 comentários:

Postar um comentário